A batalha continua

 A batalha continua
Digiqole ad

CONTRA A DENGUE
Paula Lemos (DEM) ressaltou que nos 100 primeiros dias de 2021 foram registrados apenas sete casos de dengue no município. No mesmo período do ano passado houveram 30 casos. A prefeita destacou o trabalho intensivo da equipe de vetores na fiscalização e nebulização.

MAIS BLOQUEIOS
Classificada na fase vermelha em 19 de fevereiro e com lockdown parcial desde 2 de março, a região de Barretos não conseguiu derrubar o contágio, internações e mortes por Covid-19. Teme-se que o governo de João Doria (PSDB) possa decretar um lockdown total após 4 de abril.

SUGESTÃO DE LEI
A regulamentação das faixas amarelas de carga e descarga cabe ao município. Em Barretos, mais de 140 destas faixas contabilizadas só na área central servem de estacionamento particular de comerciantes diante da falta de vagas.Passou da hora de regulamentar.

BATALHA PELA EDUCAÇÃO
Vereador Paulo Correa (PL) luta há 13 anos para a instalação da FATEC em Barretos. A Faculdade de Tecnologia possui 73 unidades no Estado de São Paulo.

FAZENDO O BEM
Nestor Leonel entregou na semana passada 2700 kits de testes rápidos para a Covid-19 à Secretaria Municipal de Saúde. A iniciativa do Sindicato Rural do Vale do Rio Grande será usada para testar familiares de pessoas que testaram positivo.

RAIVA HUMANA
Em 1975 o vereador Sebastião Misiara pediu ao Instituto Pasteur a liberação de 9 mil vacinas para tratamento anti-rábico.

DE OLHO NO FUNDO
A criação do Conselho de Acompanhamento e Controle Social do FUNDEB pela prefeitura de Barretos é uma exigência da Lei 14.113/2020 que regulamenta o Fundo e entrou em vigor em 1º de janeiro. O colegiado tem como função principal acompanhar e controlar a distribuição, a transferência e a aplicação dos recursos nas escolas.

BEM REPRESENTADOS
Os trabalhadores do setor de lavanderia terão seus direitos garantidos com a criação do sindicato da categoria. O registro foi publicado na edição de 19 de março no Diário Oficial da União.

ESCASSEZ DE OXIGÊNIO
Uma empresa de Paulínia (SP) teria capacidade de entregar até 50 mil cilindros de oxigênio por mês, mas há três anos tenta autorização da Anvisa. Segundo o G1, o empresário Pedro Borella Neto tem sido procurado diante da escassez do produto. A empresa também tem filiais em Barretos e Guarulhos.

ESPERANDO O JOGO
Os dirigentes da FPF (Federação Paulista de Futebol) terão que esperar até 4 de abril para saber quando os jogos do Campeonato Paulista voltarão ao Estado de São Paulo. Apesar dos esforços do deputado estadual Delegado Olim (Progressistas), as tratativas não progrediram.

QUAL O FUTURO?
O PT perdeu muitos representantes nas eleições de 2018 e 2020 e agora segue tentando criar uma só frente com apoio do PSDB de Fernando Henrique Cardoso. O PDT de Ciro Gomes segue pregando derrotar o Lulismo e o PSOL de Guilherme Boulos não será só coadjuvante.

TAPETE VERMELHO
Caso o PSL não aceite de volta o presidente Jair Bolsonaro para a disputa das eleições em 2022, ao menos quatro partidos já estenderam o tapete: PSC (no qual disputou para deputado federal), Patriota, PMB e PROS.

Igor Sorente é jornalista e escreve semanalmente para a coluna.
Contato: falecom@igorsorente.com.br

Digiqole ad
Igor Sorente

Igor Sorente

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta