Livro “Barretos em 3ª pessoa” é lançado em live com participação de autores e autoridades

 Livro “Barretos em 3ª pessoa” é lançado em live com participação de autores e autoridades
Digiqole ad

A Secretaria Municipal de Cultura e a ABC (Academia Barretense de Cultura) realizaram nesta sexta–feira (28), o lançamento virtual da obra “Barretos em 3ª pessoa”, com a participação de autoridades, organizadora e escritores da obra.
A cerimônia virtual foi conduzida pelo prefeito Guilherme Ávila e acompanhada presencialmente pelo secretário municipal de cultura, João Batista Chicalé; pelo presidente da ABC, José Antônio Merenda; e pela organizadora da obra, a historiadora Karla Armani Medeiros. Autores e autoras que tiveram seus textos publicados no livro participaram virtualmente. O lançamento foi realizado pelas redes sociais da Prefeitura de Barretos e do prefeito Guilherme Ávila.
“A Prefeitura convidou a Karla para organizar a obra que enaltece a história de Barretos e das famílias Barreto e Marques, por meio das experiências pessoais com locais e monumentos. Barretos já é uma cidade conhecida mundialmente e o livro vai nos ajudar a divulgar ainda mais a nossa cidade, eternizando pontos de nossa história.” – disse o prefeito Guilherme.
“É muito gratificante fazer uma live de lançamento de um livro que conta a história de Barretos, no mês de aniversário da nossa cidade, um presente para nossa população, esses livros estarão à disposição da população na Biblioteca Municipal, no Museu Ruy Menezes e nas escolas municipais.” – disse o secretário João Chicalé.
Para a organizadora da obra, Karla Armani Medeiros, “o ‘Barretos em 3ª pessoa’ foi produzido com o objetivo de presentear a cidade pelos seus 166 anos. Quando ele foi finalizado, pela pluralidade de autores, estilos e temas, viu-se que ele integrou consideravelmente o time de estrelas que Barretos possui com as suas publicações históricas. “Sempre fomos bem servidos de livros memorialistas e de pesquisas históricas, mas é necessário que essa história seja sempre revisitada, colocando novos personagens e diferentes olhares sobre os fatos. Além disso, o próprio momento de lançamento do livro é por si só histórico, devido à pandemia. Tanto que tivemos que optar pelo lançamento virtual, sem aglomerações, o que não significa que o lançamento acabou, ao contrário, faremos um lançamento físico assim que tudo se normalizar. Dessa forma, teremos a oportunidade de olhar nos olhos de cada autor para agradecer intensamente pela colaboração. Por ora, fica o cheiro de livro novo como um carinho quentinho para todos. E que a leitura dos textos seja a principal forma de gratidão aos 34 nomes que estrelam a obra.” – disse.
Lançado pela editora Pirapora, o livro traz 32 textos, escritos por 34 autores, entre artigos e crônicas, desenvolvidos por pesquisas e memorialismo, escritos por historiadores, escritores e pesquisadores e têm como foco central o passado da cidade de Barretos. O livro já está disponível no site da Prefeitura de Barretos, na página da Secretaria Municipal de Cultura. Os exemplares físicos serão distribuídos aos autores e à ABC, e também serão disponibilizados para algumas escolas municipais, estaduais e particulares, para a Biblioteca Municipal “Afonso d’E. Taunay” e o Museu Histórico Artístico e Folclórico “Ruy Menezes.

Digiqole ad
Redação

Redação

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *