SAAE se programa para começar a trocar redes de água e esgoto

 SAAE se programa para começar a trocar redes de água e esgoto
Digiqole ad

Na manhã desta quinta-feira (15), aconteceu mais um rompimento de adutora na Avenida Belo Horizonte, entre as ruas 14 e 16, no bairro Ibirapuera. Há anos, o município de Barretos tem enfrentado problemas como esse por conta das redes serem muito antigas em cimento amianto, muitas delas, com mais de 50 anos de uso.
Segundo o diretor técnico do SAAE Barretos, Leone Willman Filho, a cidade conta com mais de 200 km de rede e adutoras de água de cimento amianto e a autarquia trabalha para começar a fazer as substituições delas por tubulações de PVC.
“O SAAE, ao longo dos anos, vem tentando minimizar esse problema de quebra constante, embora seja uma obra de alto custo. Há o rompimento por conta da pressão da água que é muito alta e acaba rompendo as redes. Esta gestão da Prefeita Paula Lemos está se programando para que, neste locais onde há mais rompimentos de rede, sejam feitas as substituições.” – explicou Leone.
O diretor pontuou três locais que mais apresentam problemas com rompimentos de adutoras de cimento amianto. As três têm mais de 50 anos de uso: Avenida Belo Horizonte, Avenida Rui Barbosa e Avenida Brigadeiro Guedes Muniz. “Problemas pontuais como esses ocorrem frequentemente. No feriado de Sexta-feira Santa, por exemplo, tivemos problema com a adutora da Pereira que causou o rompimento na Rua 18, por também ser de cimento amianto. Foi feita a troca, embora no trecho central próximo da Praça Francisco Barreto ainda não foi substituída. Estamos fazendo as adequações econômicas para começarmos o Programa de Substituição de redes antigas.” – explicou.
Faz parte da programação do SAAEB, para o ano de 2022, a construção de um reservatório apoiado no Rochão que irá criar uma nova zona de abastecimento (Pereira Zona Média) diminuindo a pressão de distribuição que usará a adutora da Avenida Belo Horizonte. Ela irá distribuir água para os bairros Ibirapuera, City Barretos, Cidade Jardim e outros daquela região.
Com este novo reservatório serão equacionadas as pressões que atualmente são muito altas por causa da proximidade com a ETA Pereira. Este novo sistema de adequação da rede irá minimizar esses problemas.

Digiqole ad
Redação

Redação

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta