11 de Outubro de 2017 às 09:54Igor Sorente

Déficit da Polícia Civil é de 12.705 cargos


Uma em cada três vagas da Polícia Civil está desocupada, aponta levantamento do Sindpesp (Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo). De acordo com o sindicato, o Estado de São Paulo tem 41.912 cargos disponíveis na corporação, mas 12.705 estão vagos.

Para delegado, há 3.463 cargos existentes, sendo que 614 (18%) estão vagos. Para o cargo de investigador, são 11.957 cargos e 3.339, 28%, não estão preenchidos.

"O último concurso público para todas as carreiras da Polícia Civil foi realizado em 2012 e aprovou cerca de 2 mil pessoas." - afirma a delegada Raquel Kobashi Gallinati, presidente do Sindpesp. "Só que não houve nenhuma nomeação. O governo afirma que o déficit ocorre por causa das aposentadorias, mas o número de aposentados é baixo. Em setembro, houve vacância (quando o cargo fica vago) de 119 policiais." - afirma a delegada.



Secretaria questiona números

Questionada, a Secretaria de Estado da Segurança Pública afirmou que "o suposto déficit apontado pelo sindicato leva em consideração 2.486 mil cargos de carcereiros, que foram extintos em razão do fechamento das carceragens em distritos policiais. Além destes, outros 2.893 cargos análogos deixarão de existir. Os cargos criados existentes para a Polícia Civil são de 39.366, e não de 41.912. Desse total, foram providos 31.136 cargos." - afirmou o órgão.

A pasta disse também no último concurso realizado em 2012, foram contratados 4.807 policiais civis, entre delegados, investigadores, escrivães, agentes policiais, agentes de telecomunicação, papiloscopistas e auxiliares de papiloscopistas." - afirmou a secretaria.

O órgão disse ainda que "até o final do ano outros 1.241 policiais civis entre delegados, investigadores e escrivães, serão nomeados".

Ainda segundo a secretaria, "no último dia 23 foram distribuídos para todo Estado mais 588 policiais civis que se formaram na Acadepol e outros 143 estão em curso", desse a pasta. "O governo mantém diálogo com as associações de policiais para ouvir as demandas da categoria, tanto que o secretário tem se reunido com entidades representativas detalhando a situação financeira do Estado."

Publicidade

Fale com a gente pelo e-mail

contato@jornalosertanejo.com.br
Participe com sugestões, dicas, comentários e denúncias.

Enquete

Resultados

Podcasts

Publicidade
Publicidade