22 de Setembro de 2017 às 09:29Aquino José

Secretário foi o último a saber


Durante audiência pública, secretário da cultura João Batista Chicalé revelou desconhecer eventos anunciados para o Recinto Paulo de Lima Correa. (Foto: Aquino José)

NOS TEMPOS DO TEATRO EXPERIMENTAL EM BARRETOS

O Teatro Experimental de Barretos encenou a peça Irmã Natividade, no auditório do Grêmio Literário e Recreativo, nos dias 7, 8 e 9 de janeiro de 1968. A obra do poeta e dramaturgo português Bernardo Santareno contou história de uma noite de natal num convento de freiras contemplativas. Dona Aracinda Rodrigues Petrusani esteve no papel de madre Prioresa. Norma Tomé Marques interpretou irmã Trindade. Ameir Machado de Camargo foi a irmã Angélica. Maria Cristina Relha Rodrigues viveu a irmã Natividade. As irmãs da comunidade foram interpretadas por Joana Darc Silveira, Joana Reche, Luzia Perini, Janete Bampa, Maria de Lourdes Silva, Maria Auxiliadora da Silva, Maria Abadia Moreira e Martha Maria Correa. A equipe técnica contou com Paulo Edson Bartsch Costa, Joaquim Gomes Heleno, Américo Rosário de Souza, Fabio Scatena, Manuel Augusto M. de Barretos e Jos é Roberto Assed. A direção geral foi de José Expedido Marques. Casa cheia e aplausos não faltaram para os artistas barretenses.


IGUAL MARIDO TRAÍDO, ELE FOI O ÚLTIMO A SABER

Exposição de gado e rodeio no Recinto Paulo de Lima Correa anunciado nos jornais da cidade não era do conhecimento do secretário municipal de cultura, João Batista Chicalé, embora o local esteja ligado à sua pasta. Na audiência pública sobre cultura e políticas públicas, ele informou que o recinto deve ser entregue em dezembro, depois de concluir a reforma.

 

FEIRA DO ARTESANATO NO RECINTO

Nos planos das Secretarias Municipais de Cultura e de Turismo está a implantação de uma feira de artesanato permanente no Recinto Paulo de Lima Correa. A ideia é reunir os artesãos no local a partir de 2018.

 

ABERRAÇÃO DE AUDIÊNCIA

O presidente da Câmara Municipal, Leandro Anastácio (SD) considerou uma “aberração” a audiência pública convocada para debater o uso de banheiros nas escolas municipais de acordo com a identidade de gênero do estudante.

 

SEM TEMPO PARA O MIMINI DA INTERNET

Leandro Anastácio (SD) comentou que não tem tempo de procurar em rede social os “mimimi” que muitas vezes se alastram, ao se referir sobre versões de projeto aprovado pela Câmara para beneficiar a Santa Casa.

 

FILOSOFIA ANASTASIANA

“Prá apedrejar existe um caminhão de gente, mas prá descarregar o caminhão você não encontra nenhum cidadão”. Frase do presidente do Legislativo, Leandro Anastácio (SD) ao refutar críticas à Câmara Municipal.

 

MERCADO DE PEIXE NA CÂMARA

Raphael Dutra (PSDB) classificou como “mercado de peixe” o burburinho entre os vereadores que atrapalharam seu discurso na tribuna da Câmara. No final da fala, ele agradeceu às pessoas que conseguiram ouvir sua fala.

 

PEDE, MAS NÃO TEM RESPOSTA

Vereador Fabrício Lemos (PSL) reclamou que seus requerimentos não estão sendo atendidos pela Prefeitura.

 

O PROFESSOR NUNCA QUIS ENSINAR

Carlão do Basquete (PROS) disse que “longe de mim querer ensinar o secretário de obras trabalhar”, mas solicitou que a pasta apresente um planejamento a Câmara Municipal sobre os serviços a serem executados nos próximos meses.

 

FALTA EQUIPE DE ASSESSORIA

Os vereadores Paulo Correa (PR) e Almir Neves (PSDB) concordam que falta assessoria ao secretário de obras para desempenhar eficazmente sua função. “Fica difícil”, comentou Correa.

 

MOVIMENTAÇÃO DE GRANA NO CEMITÉRIO E VELÓRIO

A previsão orçamentária de despesas e receitas no cemitério e velório municipal dos últimos seis anos foi solicitada pelo vereador Lupa (DEM) à Prefeitura de Barretos.

 

PATRIOTAS BARRETENSES

Nilton Vieira é o novo coordenador microrregional do Patriota. Eduardinho do Mercado assumiu a presidência do partido em Barretos. O comerciante sonha em sentar na cadeira do Executivo.

 

POLÍTICOS NO FUNDO DO POÇO

Segundo o vereador Euripinho (PDT), a classe política está no fundo do poço. Ele atribui o descrédito do eleitorado a atual situação do país.

 

DICA DE LEITURA

Sugestão de leitura da semana é “Sociedade desiguais – Gênero cidadania e identidades”, vários autores, publicado pela editora Nova Harmonia.

Publicidade

Fale com a gente pelo e-mail

contato@jornalosertanejo.com.br
Participe com sugestões, dicas, comentários e denúncias.

Enquete

Resultados

Podcasts

Publicidade
Publicidade