28 de Maio de 2020 às 10:40

FAESP alerta produtores rurais sobre prazo de vacinação da febre aftosa


A FAESP (Federação de Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo) alerta os produtores rurais que a primeira etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa encerra-se no dia 31 de maio. Devem ser imunizados os bovinos e bubalinos de todas as faixas etárias do rebanho. O território paulista é considerado zona livre de febre aftosa.

"Por conta do feriado prolongado, decretado pela prefeitura da Capital, diversos municípios e que deverá ser estendido até segunda-feira, 25 de maio, a todo o Estado, para reforçar o isolamento social, há possibilidade de o prazo ser perdido." - avalia Tirso Meirelles, vice-presidente da FAESP. "A sanidade animal é atividade essencial. Portanto, a vacinação não pode parar".

É importante que os produtores atenham-se às normas de segurança e qualidade dos produtos: manter as vacinas condicionadas em caixas térmicas com gelo, com temperatura entre 2 °C e 8 °C; vacinar nos horários mais frescos do dia, de preferência na parte da manhã ou no fim da tarde; aplicar somente 2 ml em cada animal, utilizando agulhas e seringas novas e limpas; lavar e higienizar as mãos e instrumentos de vacinação; e declarar, até primeiro de junho, a vacinação no site gedave.defesaagropecuaria.sp.gov.br.

Caso os produtores tenham alguma dificuldade de aquisição da vacina, notificação ou outro problema que impossibilite a imunização, a FAESP disponibiliza um canal de atendimento, que pode ser contatado pelo e-mail comissoes@faespsenar.com.br e pelo WhatsApp (11) 94710-8788.

Publicidade

Fale com a gente pelo e-mail

contato@jornalosertanejo.com.br
Participe com sugestões, dicas, comentários e denúncias.

Enquete

Resultados

Podcasts

Publicidade
Publicidade