10 de Outubro de 2018 às 11:41

Mercado prevê vendas em alta no Dia das Crianças


Ricardo Martins Marques aponta crescimento nas vendas neste ano. (Foto: Aquino José/ Seven Press)

A área de Indicadores e Estudos Econômicos da Boa Vista SCPC projeta um crescimento em torno de 2,5% nas vendas neste Dia das Crianças, na comparação com 2017. Com isto, o movimento do comércio na data deve registrar resultado positivo pelo segundo ano consecutivo, após as quedas observadas em 2015 e 2016. 

Segundo Ricardo Martins Marques, gerente geral do North Shopping Barretos, o Dia das Crianças serve como termômetro para outras campanhas como Black Friday e Natal. Para o vice-presidente da ACIB (Associação Comercial e Industrial de Barretos), Paulo Soprano, o Dia das Crianças aquece o comércio, no entanto, "com a situação política instável do país é difícil dizer se vai ser termômetro. Estou com bastante otimismo na política para que a gente possa virar o jogo."

Paulo César Paula Oliveira, presidente da ACIG (Associação Comercial e Industrial de Guaíra) encara a realidade dos últimos meses como uma fase a ponto de ser superada. O comércio sentiu uma queda nas vendas no decorrer dos últimos meses, no entanto, superado o efeito das eleições e com a aproximação do fim do ano o ritmo tende a se acentuar. "É preciso acreditar". 

O brinquedo ainda é o carro-chefe das vendas. "Não existe criança que não queira ganhar, seguido dos eletrônicos, e depois vem o vestuário." - ressalta Marques. A ABRASCE (Associação Brasileira de Shopping Centers) projeta um gasto médio de R$ 100 por pessoa no Dia das Crianças.

Conforme observado nas demais datas comemorativas de 2018, deveremos ter alta das vendas. De acordo com dados da Boa Vista SCPC, sempre na comparação com 2017, o movimento do comércio cresceu 3,2% na Páscoa, 4,0% no Dia das Mães, 2,2% no Dia dos Namorados e 2,8% no Dia dos Pais.

Fonte: Igor Sorente e Aquino José/Seven Press

Publicidade

Fale com a gente pelo e-mail

contato@jornalosertanejo.com.br
Participe com sugestões, dicas, comentários e denúncias.

Enquete

Resultados

Podcasts

Publicidade
Publicidade