06 de Setembro de 2018 às 09:16

Violeiro e tocador revela segredos do instrumento


Lucio Donizetti Francisco é fabricante e tocador de instrumentos musicais. (Fonte: Aquino José/ Seven Press)

"Quem fabrica é violeiro e quem executa é tocador." - diz o ditado português lembrado pelo luthier (profissional que constrói instrumentos musicais) Lucio Donizetti Francisco, que há 14 anos, num pequeno atelier na Cohab de Guaíra, fabrica viola, violão e cavaquinho.

Ele aprendeu com o pai tocar a viola. Com o passar do tempo, curioso, começou a fabricar o instrumento. Autodidata, foi pegando gosto pelo ofício. Em 2010, fez um curso com Luciano Borges, de Araguari (MG). Foi aprimorando as suas habilidades. "A gente também vai aprendendo com quem toca." - afirma Lucio Donizetti Francisco, que já fez viola para Mazinho Quevedo, de Araras (SP), de quem é fã.

O luthier guairense explica que o segredo do bom instrumento está na madeira boa para sua confecção. Tem jacarandá, pau-ferro, nepol do Canadá. "O tampo geralmente é feito de pinho alemão ou canadense, que são madeiras de clima frio." - conta. "Conforme a madeira, cada instrumento tem um timbre." - revela.

Lucio Donizetti Francisco enfatiza que a afinação tem que ser perfeita, pois é a coisa mais importante no instrumento.  Garante que ele mesmo afina os instrumentos que fabrica. E que pretende passar a arte para o filho e para o neto.

Cada viola fabricada por Lucio Donizetti Francisco tem preço variado. Custa de R$ 2 mil a R$ 3,5 mil em média. O luthier também é um dos músicos que acompanha o Coral Raízes. 

Fonte: Aquino José/ Seven Press

Publicidade

Fale com a gente pelo e-mail

contato@jornalosertanejo.com.br
Participe com sugestões, dicas, comentários e denúncias.

Enquete

Resultados

Podcasts

Publicidade
Publicidade