08 de Agosto de 2018 às 11:58

Câmara de Barretos aprova repúdio a projeto que proíbe exportação de animais vivos


Gado em propriedade rural de Barretos. (Foto: Aquino José / Seven Press)

O projeto de lei de autoria do deputado Feliciano Filho (PSC) que proíbe no Estado de São Paulo o embarque de animais vivos no transporte marítimo e fluvial foi repudiado na Câmara de Barretos. O requerimento foi apresentado pelo vereador Otávio Garcia (DEM) e aprovado na sessão ordinária desta segunda-feira (6).

Otávio Garcia vê um gesto de nobreza na atitude do deputado, na tentativa de sanar ou minimizar problemas ambientais e o sofrimento dos animais transportados nos navios para exportação. Ressalta, que, não se pode esquecer da importância da cultura do gado, do transporte e da exportação, gerando empregos e fomentando a economia do país. Ele entende que a proibição proposta inviabiliza a exportação de gado.

O vereador argumenta que há outras formas de resolver a questão. Sugere a exigência de maior cuidado no trato com os animais, na higiene, na fiscalização e acompanhamento do transporte, tanto nos caminhões como nos navios, conferindo a dignidade dos animais.

Com essas justificativas de Otávio Garcia, a Câmara de Barretos aprovou votos de repúdio ao autor da lei. O parlamentar pediu ainda que sejam enviados ofícios ao presidente da Assembleia Legislativa Paulista, Cauê Macris, e  aos líderes partidários estaduais, ao senado e ao deputado Feliciano Filho, solicitando que a lei não seja aprovada.

O Legislativo barretense volta a se reunir nesta sexta-feira (10), às 18h00, antecipando a sessão ordinária do dia 20, em virtude da realização da 63ª Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos.

Fonte: Aquino José/ Seven Press

Publicidade

Fale com a gente pelo e-mail

contato@jornalosertanejo.com.br
Participe com sugestões, dicas, comentários e denúncias.

Enquete

Resultados

Podcasts

Publicidade
Publicidade